“GREVE GERAL” do PSTU obtêm vitória apenas em impedir trabalhador de chegar ao trabalho

O Super ato, a greve geral dos trabalhadores contra a reforma da previdência, FORA TEMER! FORA TODOS ELES!, foi um sucesso, sucesso em impedir que os verdadeiros trabalhadores chegassem ao trabalho nessa manha de terça fera, 15/12.

A Verdade é que o povo não acredita mais nesse papo de burguesia contra proletariado e já está cheio dessas mini manifestações sindicais que só pensam em benefício próprio e manipulam minorias.

O único motivo que me impediu de chegar ao trabalho foi o enorme transito causado por instituições, sindicatos e “movimentos sociais” que adoram falar pelos trabalhadores. Vocês não tem credibilidade alguma, não falam por nós e não nos representam!

CUT, CTB, NCST, UGT, CGTB … quem vê assim pensa que são séries novas da NETFLIX, mas são os organizadores da “greve geral”

O Ato organizado para hoje deveria contar com a presença da CUT, CTB e força sindical e tinha por objetivo protestar contra o novo texto da reforma da previdência, mas o PSTU foi traído pelos seus “companheiros” que cancelaram a presença nas manifestações.

Veja: PSTU é traído pela CUT e Força Sindical

A Folha Carioca

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *